Está aqui

Comentários efectuados por tadeu

  • tadeu comentou a entrada "A sexualidade e os cegos" à 13 anos 10 meses atrás

    Olá Filipe

    Muito bom o teu texto e já fiz um link para ele no meu blog.
    Eu enquanto cego e homossexual, conheço muitíssimo bem as barreiras de que falas. Muitas pessoas não levarão isto a sério. Pensam que se é homossexual por desporto e que basta querer para mudar a situação. Mas essa forma ignorante de pensar é uma coisa natural. Conheci um aluno cego cuja professora se recusou a dar-lhe aulas por pensar que a cegueira podia ser contagiosa.
    Mas o que me preocupa em toda esta situação é que outros cegos homossexuais, vítimas da ignorância alheia e do preconceito social, vivem encurralados no medo, reprimindo a sua sexualidade.
    Há dias um amigo dizia-me que me admirava muito pela minha coragem. Trata-se de um rapaz homossexual, não autónomo, cujo único contacto que tem com pessoas com quem pode falar abertamente sobre a sua orientação sexual é através da internet. Lamento por ele e por muitos outros, principalmente por me sentir impotente para ajudar.
    E perguntam-me porque falo disto com tanta insistência? Porque através do meu blog já oito cegos de Portugal e mais alguns do Brasil entraram em contacto comigo sem saber o que fazer relativamente à sua orientação sexual. Sim é importante esclarecer que a homossexualidade não é uma opção, tal como ter uma deficiência não é uma opção.
    O teu texto chama a atenção para o problema da sexualidade na deficiência. O meu blog procura ir mais longe, focando o problema das variações da sexualidade na deficiência e vice-versa.
    Visitem: www.lerparaver.com/tadeu . Deixem comentários e não exitem em contactar-me se sentirem vontade.
    tadeubengala@gmail.com

  • tadeu comentou a entrada "Primeiro DVD inclusivo apresentado hoje em Lisboa" à 13 anos 11 meses atrás

    Vi este filme com audiodescrição e achei espectacular. Pena não haver mais material como este aqui em Portugal.

  • tadeu comentou a entrada "Europa tem nova arma no combate ao terrorismo: detetives cegos" à 14 anos 1 mês atrás

    Continua-se aqui a reafirmar a crença de que deficientes visuais ouvem melhor do que quem vê. Depois de ler o texto do diogo um preconceito tradicional, eu pergunto: Será mesmo necessário rejeitar pessoas que têm grau de visão superior a 33 por cento ou isso fica por conta do preconceito?

  • tadeu comentou a entrada "Ensino do teclado de computador" à 14 anos 1 mês atrás

    Fiz um curso de dactilografia no qual, tanto cegos como normovisuais eram obrigados a aprender a escrever à máquina sem olhar para o teclado, sendo obrigados a decorá-lo através de exercícios. Um bom dactilógrafo deveria escrever sem olhar para o teclado, pois deveria ser capaz de olhar para um texto escrito à mão e digitá-lo a pelo menos 40 palavras por minuto sem tirar os olhos do papel. Infelizmente parece ter caído em desuso os normovisuais terem o teclado decorado. No entanto se procurar por métodos antigos de dactilografia, talvez encontre alguma solução para o seu problema.
    Cumps
    Tadeu

  • tadeu comentou a entrada "Como é ver???" à 14 anos 2 meses atrás

    Quando me perguntam o que vejo, digo que os meus olhos vêem exactamente o mesmo que a palma da minha mão. Mas a resposta à pergunta do António é simples. Muitas vezes confronto-me com pessoas que ainda ficam mais confusas com esta resposta e então muitos cegos usam o estratagema de responder com algo que as pessoas entendem. é exactamente o que acontece com a situação que alguns cientistas dizem que os cegos de nascença vêem nos sonhos, o que é impossível. Mesmo que um cego de nascença fosse capaz de ver nos sonhos, o que não é verdade, ele não saberia que estava a ver porque não sabe o que é ver.
    Mas podem então perguntar o que acontece quando um cego de nascença diz que num sonho vê o mar?
    Acontece que ele sonha que está à beira mar e imagina o mar como ele pensa que é ver. Certa vez eu disse à minha mãe que sonhei que vi a minha prima. Mas recordo-me muito bem do sonho. Eu sonhei que estava próximo da minha prima e sabia exactamente onde ela estava. Então pensei que a via.
    No entanto, os cientistas afirmam que as zonas do cérebro responsáveis pela visão funcionam durante um sonho. O nosso cérebro é "plástico" isto é, uma parte dele que não é utilizada não é necessariamente desperdiçada e pode passar a ter outras funções. Repito que estou a falar de cegos de nascença e não de cegos tardios. Estes realmente podem sonhar que vêem, e vêem realmente nos sonhos.
    Mas respondendo à Patty que é o objectivo desta mensagem, se é difícil compreender o que é ser cego, muito mais difícil é um cego entender o que é ser normovisual. Quando era pequeno imaginava ver como sendo tocar com os olhos como tocava com as mãos. Mas sei que a realidade é bem diferente. A visão é sintética e é melhor comparável com o ouvido e não com o tato.

  • tadeu comentou a entrada "Siminário - Emprego para todos" à 14 anos 2 meses atrás

    Filipe, concordo ctg, mas não inteiramente. Numa situação em concreto, a pessoa em questão nem foi seleccionada para a entrevista. Concordo que a pessoa em questão não ficasse no cargo se não cumprisse os critérios relativos ao concurso. Mas ser eliminada por não poder conduzir quando o cargo nem era de motorista...
    No mais dou-te razão. Depois de uma selecção e de uma entrevista que não foi realizada, então seria coerente escolher a pessoa mais competente, fosse ela cega, amblíope ou normovisual.

  • tadeu comentou a entrada "Um Preconceito Tradicional" à 14 anos 3 meses atrás

    Tanto é que já a publiquei no meu blog: http://tadeubengala.blogspot.com

  • tadeu comentou a entrada "Praia com cartaz em Braille" à 14 anos 4 meses atrás

    Imaginemos que eu vouà praia sozinho com a minha bengala, como eu acho o cartaz. Faço esta pergunta na minha total ignorância pois não conheço essa praia e gostaria de mais informações.

  • tadeu comentou a entrada "Presidente da República chama a atenção para dificuldades dos invisuais na Internet " à 14 anos 5 meses atrás

    Em todo este estudo concluo o seguinte: Felizes daqueles que têm alguém com olhos para os ajudar nessas páginas tão acessíveis!

  • tadeu comentou a entrada "Peça de teatro promove a inclusão de invisuais" à 14 anos 6 meses atrás

Páginas



41 a 50 de 52